18 de out de 2011

“ Vendo Jesus as multidões, subiu o monte,

Mateus 5: 1,2 “ Vendo Jesus as multidões, subiu o monte, e, como se assentasse, aproximaram-se os seus discípulos; 2 – e ele passou a ensiná-los, dizendo: ....” ,

            Meu esposo gosta muito de filmes que focam o oriente,  e neste filmes uma coisa sempre me chamou a atenção foram os discípulos e seus mestres. Todos os lutadores tinham um mestre, e como um bom discípulo eles o seguiam e faziam tudo quanto o mestre mandava. Em muitos dos casos eles matavam, mas também morriam pelo seu mestre. Uma verdadeira lição de submissão e honra aos seus mestres humanos.

            É neste momento que olho para a igreja e tento ver nela esta relação de discípulo e mestre, todos querem a benção, mas não querem o Deus da benção. Ninguém quer ser  discípulo de Jesus,  somos considerados crentes e não cristãos!!!!
Não há um ensino do evangelho que direcione ao verdadeiro discipulado, pois ao contrario dos discípulos das artes marciais, os discípulos de Jesus não estão dispostos a morrer por Jesus, mau mau eles estão dispostos a  alguma provação.

            Não sou uma grande estudiosa da Bíblia, como os teólogos, mas tenho certeza de uma coisa, Jesus veio a terra com um propósito único: buscar e salvar o pecador. Podemos destacar alguns fatos marcantes da vida de Jesus o Cristo , o primeiro deles é o fato d’Ele se desfazer de sua Gloria para se encarnar como homem e nascer num estábulo, sendo filho numa família pobre; segundo andou pela palestina a pé, nunca teve uma casa própria, passou fome,  foi tentado, levou sobre se nossos pecados e morreu como um ladrão.

            Alem desses fatos podemos destacar  algumas de suas realizações: nunca se envergonhou do propósito de sua vida, desde pequeno já proclamava o evangelho; quando iniciou seu ministério procurou aqueles que eram os zeros a esquerda da sociedade, os analfabetos funcionais para nossa época. Mas Jesus dedicou três anos de intensivo treinamento aos seus discípulos, Jesus ensinou, falou, demonstrou como se faz, mostrou na prática como se ensina. Não encontrei nem um livro escrito por Jesus Cristo, a única linhas escritas por Jesus forma algumas palavras escritas na areia. Jesus demonstrou como se faz, Jesus tinha tempo para os seus, como registrou Mateus.

            Hoje o que querem nossos teólogos que se dizem pastores? Eles só querem fama, salários, status, boas igrejas, discutir Calvino, discutir assuntos pela internet sem se envolver com a questão de fato, distância do povo necessitado, e escrever livros. Fico a me perguntar se Jesus ao invés de ensinar na prática tivesse escrito vários livros sobre seus métodos.

            Graças ao nosso Bom, Misericordioso, Onipotente, Onisciente Deus através de Seus Santo Espírito Ele capacitou homens santos para escrever a Bíblia, para ela sim ser nossa regra de fé e prática. NÓS NÃO PRECISAMOS DE MAIS LIVROS ESCRITOS POR TEOLOGOS que se  julgam pastores, NÓS PRECISAMOS DE PASTORES  QUE NÓS ENSINEM A BÍBLIA, nós precisamos de pastores que tenham tempo para nós, pastores que exerçam o papel real e verdadeiro de um pastor, que tenha compromisso conosco e com seu mestre.  Nós já temos 66 livros inspirados em nossas mãos que não são lidos direito, para que esta enxurrada livros? Para serem vendidos em nossas igrejas? Por que damos tanto valor a escritos de homens pecadores como nós nos dias de hoje?

            Jesus não veio ao mundo para nos ensinar  escrever livros, Jesus não veio para nos motivar a ser egoístas, Jesus veio nos ensinar algo tão simples e prático que é o evangelho, mas o evangelho requer responsabilidade, compromisso com o discípulo. 

            Jesus tinha tempo, quem não tem tempo não senta, hoje os teólogos(pastores) não tem tempo para as ovelhas, quem não senta não ensina, quem não ensina não tem compromisso, nem  como ensino e nem com o discípulo. Por isto os teólogos estão preferindo discutir Calvino, discutir assuntos pela internet,  e escrever LIVROS, por que o compromisso de ler é de quem compra, quem compra é que assume o compromisso de se educar e aprender, é muito mais fácil não se envolver diretamente. Fico a pensar se Jesus não tivesse descido de sua Gloria até nós, há onde estariamos hoje?

            Com isto as ovelhas necessitadas estão sendo deixadas de lado, abandonadas à sua própria sorte.

            O amado pastor de vocês, porque meu ele não é pois ele nunca teve tempo pra mim e nem pro meu esposo, o Sr. HDL estará dando graças a Deus pelo lançamento do seu 100º livro ( noticia de A TRIBUNA  de sábado), ele já publicou 100 livros, mais livros que  a própria Bíblia , isto quer dizer que quem compra e lê todos os seus livros não esta lendo a Bíblia ou podia ter lido a Bíblia varias vezes. Ler a Bíblia traz muito mais edificação que os livros de HDL, isto eu tenho certeza.

            Qual o tempo que este teólogo esta dando ao seu rebanho? Que tempo ele tem dedicado para sentar e ensinar? Será que ele conhece por nome todas os membros da igreja que ele é pastor? Será que Jesus o chamou para escrever livros e não para pregar o evangelho? Um pastor para se alto afirmar não precisa escrever livros, se  ele  conseguir em seus 20, 30, 40 anos de ministério pastoral ensinar 1/3 da Bíblia ao seu rebanho ele terá cumprido o seu chamado. NÓS PRECISAMOS  DE BÍBLIA EM NOSSAS IGREJAS, não precisamos de livros, nosso povo esta sedento de conhecimento bíblico,

            Deixem os livros para os escritores,  e a vocês teólogos  sejam os pastores das ovelhas para as quais Jesus os chamou. Espelhem-se no seu mestre  escrevam sim, mas nos corações e na areia.

JESUS o CRISTO, sentou  reservou tempo para os seus,  não se esqueçam que toda  Gloria, Honra devem ser dada somente a ELE. SOMENTE VERÃO A DEUS AQUELES DISCIPULOS QUE REALMENTE SEGUIREM O MESTRE.


“Quem Deus nos abençoe  e me perdoe por minhas falhas.  

3 comentários:

  1. Eu concordo com vc, e estou acompanhando suas postagens. Espero que a igreja possa mudar suas atitudes e corrigir seus erros e não iniciar uma caças as bruxas como na idade média. É lamentável que nós só temos esta ferramenta para espor nossas magoas e desafetos com a instituição. abraços.

    ResponderExcluir
  2. e duvido q tu vai aprovar o comentário... sabe pq? pq é mais facil ficar apontando os erros doq olhar pro seu humbigo!

    ResponderExcluir
  3. Amada Priscila, sou solidária a você e até admito que tudo isso que você posta é verdade que isso tem acontecido no meu do povo evangélico e realmente lamentável que isso aconteça e que liderança de nossas igrejas não tem tomado nenhuma postura quanto aos acontecimentos.
    Porém acho que esse não é o melhor caminho a se tomar em relação a tudo isso, não apontando o dedo que se irá resolver a questão, muito pelo contrário causará ainda mais discórdia.
    Na bíblia quando fala da presença de Cristo aqui na terra, os Fariseus, os sardedotes que era o “povo” que detinha o conhecimento da palavra de Deus, que dizia o que era certo e errado ao seu bem prazer, porém quando Cristo estava no meio deles não o reconheceram que aquele Cristo que estava a lhe falar era O Redentor que eles tanto pregavam que traria salvação e redenção a todos que criam.
    O que quero dizer com isso é que, essas coisas que você relata aconteceram quando Cristo esteve no meio de nós como humano, a bíblia relata vários acontecimentos, os fariseus sempre querendo colocar Cristo a prova, querendo de qualquer maneira pegar Jesus em algum tipo de deslizes.
    Amada Irmã, é o joio no meio do trigo, isso só terá fim quando Cristo voltar, enquanto Ele não vem, tenho certeza que nosso Deus conhecedor de todas as coisas, vai nós dá a força e sabedoria necessária para que esse tipo de acontecimentos não abale nossa fé, por muito maior é Aquele que vive em Nós. Deus pedirá conta de todas as coisas que fazemos muitas das vezes nos esquecemos disso.
    Tenha fé minha irmã, não desanime e não se preocupe, por que tudo que acontece em nossas vidas Deus tem um proposito, hoje podemos não entender e até ficarmos “irados” com esses acontecimentos, mas em Cristo somos mais que vencedores e não cabe a nós jugarmos a ninguém, por que não sabemos o dia de amanhã a única certeza que temos é que devemos continuar fiéis a Deus em todas as circunstâncias e orar para que Ele nós dê cada dia mais Fé na sua justiça.
    Fique com Deus e que Ele lhe conceda muita paz em seu coração e lhe devolva a esperança e que você apesar das circunstâncias continue firma na Presença de nosso Deus que tudo sabe.

    ResponderExcluir